Estudantes aprendem técnicas de socorros de urgência

Na aula, os alunos do curso de Segurança Privada tiveram a tarefa de serem os socorristas e também as vítimas.


Publicado em: 13 de junho de 2019

Os alunos do curso de Gestão de Segurança Privada são qualificados ao longo do curso para atuarem em áreas como cidadania; sociedade e segurança; conhecimento jurídico e gestão; planejamento em segurança e na de técnicas de segurança. Além disso, eles também são preparados para aplicar técnicas de primeiros socorros em casos de acidentes com vítimas.

Na disciplina Socorros de Urgência, ministrada pelo professor Wander Pacheco, os estudantes tiveram uma aula prática e puderam aplicar técnicas relacionadas aos primeiros socorros em situações de alta gravidade, em que o socorrista precisa tomar decisões e desenvolver ações imediatas para tentar resolver ou reverter os quadros de feridas, queimaduras, acidentes com motociclistas, choques e paradas respiratórias.

“Primeiro eles tiveram aulas teóricas e depois foram feitas as aulas práticas. Foram realizadas simulações de ressuscitação cardiorrespiratória, aproveitando que a grande maioria dos alunos é de motociclistas, que usam capacetes e os demais acessórios, simulamos acidentes entre eles. O desempenho foi muito interessante. A turma foi dividida em blocos, com aspectos diferentes de sintomas, ou seja, as vítimas se apresentavam com uma determinada sintomatologia e os socorristas reconheciam e atuavam para prestar o socorro necessário. Foram simulados choques, paradas cardiorrespiratórias, fraturas de membros inferiores e superiores e de tórax”, conta Wander.

Curso de Segurança Privada

O segmento de segurança é o que mais cresce no Brasil e no mundo. E demanda, cada vez mais, profissionais capacitados para atuar na área. Com certificações ao término de cada um dos quatro módulos de estudo, o aluno FAESA vai sendo qualificado, antes mesmo da conclusão do curso o que possibilita ao profissional a inclusão das mesmas em seus currículos e a oferta de serviços qualificados antes mesmo da conclusão do curso.  

O curso, único presencial no Estado, é uma graduação em nível de Tecnologia, ou seja, é de curta duração. A formação é realizada em 2 anos e a complementação é feita por meio de atividades curriculares e extracurriculares envolvendo o mercado e o segmento.

Texto: Sthefania Rodrigues

Confira alguns momentos da aula prática: