Alunos conquistam medalhas na Liga de Desporto Universitário


Publicado em: 19 de abril de 2017

Representando o Espírito Santo e a FAESA Centro Universitário na Liga de Desporto Universitário de Lutas, que aconteceu em São Caetano do Sul (SP), no último dia 13/04, os estudantes Luciano Gomes Penna e Carolina Santiago Baptista, dos cursos Engenharia Química e Odontologia, conquistaram medalhas de bronze na modalidade Taekwondo.

A competição contou com a participação de 500 estudantes/atletas de 22 estados da Federação e seis modalidades de lutas: judô, kung fu/wushu, luta olímpica, taekwondo, karatê e jiu-jitsu. Também participaram atletas olímpicos e componentes das Seleções Brasileiras.

A estudante Carolina Baptista, que curso o 5º período de Odontologia e conquistou a medalha de bronze na categoria acima de 73 quilos, ficou muito feliz com o resultado.

“Conseguir ir ao pódio na nossa primeira participação nos traz muita felicidade e nos dá a certeza que estamos no caminho certo. Esse campeonato é muito importante e conta com atletas de alto rendimento, titulares da Seleção Brasileira e até um medalhista olímpico, o Maicon Andrade (bronze no taekwondo na Rio 2016). Além disso, é uma competição que dá muita visibilidade para os próximos campeonatos (mundiais e brasileiros) e que validam pontos para o ranking nacional”, comemorou.

Já Luciano falou do esforço que precisa ser feito para conseguir conciliar estudos e treinos, mas afirma que pretende continuar lutando.

“É muito difícil conciliar os estudos e treinos, pois eu tenho aulas de manhã e de noite. Somente com a tarde livre. Eu conversei com minha Mestra e ela arranjou um horário e abriu uma turma no período da tarde, para que eu possa treinar”, explicou.

A Liga do Desporto Universitário de Lutas é uma realização da Confederação Brasileira do Desporto Universitário (CBDU) em parceria com a Federação Universitária Paulista de Esportes (FUPE).

Taekwondo

O Taekwondo é uma arte marcial milenar de origem coreana, que tem como princípio básico o equilíbrio físico e mental. Significa “caminho dos pés e das mãos”. Foi introduzido no Brasil na década de 70 e está cada vez mais difundido e tornou-se esporte olímpico em 1988, participando dos Jogos Olímpicos de Seul (1988) e Barcelona (1992) como esporte de exibição. Após ficar fora de Atlanta (1996), foi incluído no programa olímpico, valendo medalhas na edição de Sydney-2000.

Conheça nossos estudantes atletas:

Luciano Gomes Penna

Idade: 23 anos
Curso: Engenharia Química, 4º período.
Tempo de luta: 8 anos
Categoria: Faixa Preta Adulto + 87 Kg
Equipe: Equipe Manuela Feliz de Taekwondo
Trajetória no Taekwondo: “comecei o Taekwondo por acaso. Meu pai na época fazia hidroginástica em uma academia e nela começou a ter aulas de Taekwondo no mesmo horário que o dele. Com isso meu pai me levou para experimentar, eu gostei e acabei ficando. Depois de alguns anos parei e, na ocasião, meu mestre parou de dar aula também. Os anos passaram e decidi voltar ao Taekwondo, na procura encontrei a Mestra Manuela Feliz e sua equipe, aonde estou até hoje”.

Carolina Santiago Baptista

Idade: 20 anos
Curso: Odontologia, 5º período
Tempo de luta: 12 anos
Categoria: Faixa Preta Adulto + 73 Kg
Equipe: Manuela Feliz de Taekwondo
Trajetória no Taekwond: “comecei a lutar aos 8 anos por influência do meu irmão, que já fazia o esporte e depois decidiu parar. Eu também parei por um tempo, mas resolvi voltar e me apaixonei pela área competitiva, as técnicas da arte marcial e me tornei faixa preta”.

Texto: Nathália Esteves
Fotos: acervo dos atletas